fbpx
Carro Preferido

Meu Kangoo verde

445visualizações

Este espaço é dedicado para que as pessoas contem a história do carro que mais marcou a sua vida.

Para estimular as pessoas a participarem, conto a minha experiência mais marcante com automóvel. Tive um Kangoo verde por 8 anos e foi o carro que marcou a minha vida, não por ter um design diferente e que chamava a atenção, mas por todas as histórias que vivi com ele. As viagens eram divertidas, o para-brisa bem amplo oferecia visibilidade para os passageiros no banco traseiro e não tinha uma pessoa que não comentasse isso quando entrava no carro.

Por seu utilitário, vira e mexe era chamada para carregar alguma coisa para alguém, de berço de bebê a colchão e mesa. Com o teto alto, tudo cabia lá dentro, era só dar um jeitinho. Era bom porque eu ia fazer compras de utensílios para casa, por exemplo, e o que não caberia em um porta-mala convencional, entrava facilmente no Kangoo. Não me preocupava com frete, era abaixar o banco e tirar o tampão.  Enquanto estive com ele, fiz duas mudanças carregando as roupas do meu guarda-roupa que não são poucas. Foi um verdadeiro casamento, o cabeção, como foi apelidado, também dava trabalho como qualquer relação, mas não deixava na mão. Era comum quebrar após alguma viagem. Lá ia ele para oficina. Mas sempre deixará saudade e ótimas lembranças. Já faz quase 9 anos que eu o vendi e não me esqueço dos bons momentos que vivi com o Kangoo verde.

Majô Gonçalves é jornalista, assessora de imprensa com mais de 20 anos de experiência no setor automotivo, sendo 12 anos especializada no mercado de autopeças, reposição e reparação de veículos. É criadora e editora do portal Peças & Veículos. MTB 24.475

Leave a Response

3 × três =