fbpx
Acontece

Audi e Litro de Luz entregam soluções de iluminação aos povos da reserva Indígena do baixo Xingu

Audi e Litro de Luz entregam soluções de iluminação
Ação de ESG realizada pela Audi do Brasil e Audi Environmental Foundation impactou 20 comunidades indígenas no Mato Grosso (MT), 140 famílias e mais de 600 moradores locais;

A Audi do Brasil, a Audi Environmental Foundation, braço filantrópico da AUDI AG que apoia projetos inovadores em prol do meio ambiente, e a ONG Litro de Luz uniram forças para mais uma edição da parceria que vem fornecendo nos últimos anos soluções de iluminação com energia sustentável para comunidades sem acesso permanente à eletricidade. Clique no link para conferir o vídeo especial da ação: https://www.youtube.com/watch?v=mY7IuODe2Jc

A edição teve duração de sete dias (29 de maio até 05 de junho) e beneficiou um total de 20 comunidades indígenas, 140 famílias e mais de 600 moradores locais com o fornecimento de 170 soluções compactas de iluminação e energia, entre lanternas e postes solares. O local escolhido foi a região da Reserva Indígena do baixo Xingu, Mato Grosso (MT).

As comunidades indígenas que receberam a ação foram: Castanhal, Três Patos, Mainumy, Bom Jesus, Maraká, Iguaçu, Camaçari, Aiporé, Sítio Amazonas, Paranaitá, 3 Famílias, Sítio Vitória, Kayasu, Jawary, Jyenap, Progresso (Novo Progresso), Maitá, Nova Geração e Sobradinho – onde será montada a infraestrutura dos voluntários do projeto.

“Este é um projeto que, além do seu propósito principal de levar iluminação de forma sustentável para comunidades sem acesso permanente à eletricidade, também reforça a importância do apoio de empresas em projetos sociais que podem ser relevantes. Ações como esta permitem que a gente lembre sempre que precisamos uns dos outros”, destaca Antonio Calcagnotto, diretor de assuntos institucionais e sustentabilidade da Audi do Brasil.

“Este é um projeto extremamente valioso para as comunidades que recebem as soluções solares sustentáveis e também para todos os voluntários que participam da ação. Levar iluminação para a reserva indígena de Xingu reforça o nosso propósito assim como nos mostra a importância ao respeito às origens e crenças de todos os seres humanos. Foi uma importante lição em um projeto tão gratificante para todos nós”, diz Rüdiger Recknagel, Diretor Geral da Audi Environmental Foundation.

“Este é o nosso terceiro ano de parceria com a Audi do Brasil e a Audi Environmental Foundation e certamente o mais desafiador. Levar soluções solares para essas 20 comunidades e conhecer a fundo a vida dos indígenas em Xingu é sem dúvida uma das experiências mais realizadoras que pude vivenciar. Este projeto não apenas levará luz, mas também valorizará os povos indígenas, os verdadeiros guardiões da floresta”, destaca Rodrigo Eidy, Presidente do Litro de Luz Brasil.

A definição do projeto deste ano teve início em junho de 2023, quando 20 comunidades indígenas da região do Xingu (localizadas no sul do Amazônia Brasileira) foram visitadas durante quatro dias por representantes do Litro de Luz ao longo dos rios Arraias e Manissauá-Miçu e posteriormente avaliadas em conjunto pelas equipes da Audi do Brasil, a ONG Litro de Luz e a Audi Environmental Foundation.

As áreas foram escolhidas conforme a base de dados da Litro de Luz, que mapeou as comunidades na região sem ou com acesso limitado à rede elétrica regular. Por meio dessa análise e da interação com as lideranças locais, foram selecionadas as comunidades situadas dentro do Território Indígena do Xingu. A região foi escolhida por serem comunidades isolada onde o impacto da ação é maior, mais eficiente e, principalmente, por conta do reduzido ou nenhum acesso à infraestrutura elétrica.

Além disso, a iniciativa visa apoiar e valorizar a cultura tradicional indígena de Xingu, que ocupa uma área de preservação ambiental fundamental no Brasil, contribuindo para a conservação da biodiversidade, mitigação das mudanças climáticas e sendo uma referência para a cultura e tradição dos povos indígenas que a habitam.

De acordo com relatório do Banco Mundial em 2018, cerca de 1 bilhão de pessoas em todo o mundo não tem acesso à eletricidade. No Brasil, cerca de 2 milhões de brasileiros não têm acesso à eletricidade, de acordo com dados do Ministério de Minas e Energia de 2019.

Audi e Litro de Luz

A parceria entre Audi do Brasil, Litro de Luz e Audi Environmental Foundation teve início no ano de 2022, quando cerca de 200 comunidades ribeirinhas da Amazônia receberam 30 postes solares e mais de 150 lampiões, beneficiando os moradores de Nova Canaã, Nova Jerusalém e Lindo Amanhecer. No total, a ação beneficiou mais de 600 moradores locais.

Em 2023, a ação foi realizada em comunidades indígenas e caiçaras locais do litoral sul de São Paulo. Cerca de 40 voluntários da Audi do Brasil e da ONG Litro de Luz realizaram a instalação e montagem, junto com os comunitários, de 140 equipamentos de iluminação, entre lampiões e postes de energia solar utilizando baterias de lítio, para comunidades sem acesso à luz elétrica permanente situadas nas cidades de Cananeia e Ilha do Cardoso. No total, estima-se que 147 famílias de 12 comunidades distintas foram beneficiadas.

“A Audi Environmental Foundation e a Audi do Brasil com o Projeto Litro de Luz tem o objetivo de continuar a levar energia limpa e segura para iluminar comunidades que não têm acesso a energia. Nosso projeto em 2023 com a ONG Litro de Luz trouxe insights valiosos: Engajar com diversas culturas, incluindo as comunidades indígenas e caiçaras e aumentar a importância do respeito mútuo nas atitudes entre todos nós. Isto é um aprendizado que eu acredito que todos os voluntários tiveram nesta experiência”, destaca Rüdiger Recknagel, Diretor-Geral da Audi Environmental Foundation.

Litro de Luz: Uma década de atuação

A ONG Litro de Luz está celebrando dez anos em 2024. Com atuação em mais de 15 países, a organização internacional possui cerca de 200 voluntários distribuídos nas cinco regiões do Brasil com o objetivo de fornecer iluminação às pessoas sem acesso à eletricidade por meio de soluções sustentáveis de energia solar.

A Litro de Luz trabalha com uma metodologia própria de desenvolvimento social que permite mobilizar voluntários, mapear comunidades, entender as necessidades e treinar residentes para instalar, replicar e manter as suas tecnologias. Neste processo, os líderes são identificados em suas comunidades, treinados como embaixadores e passam a representar localmente a ONG.

Esse processo garante o engajamento dos residentes para que as ações tenham um impacto duradouro na vida das comunidades. Em sua trajetória, a organização já impactou diretamente cerca de 30 mil pessoas em áreas rurais, urbanas, indígenas, ribeirinhas e quilombolas em todo o país.

Tecnologias sustentáveis de iluminação do Litro de Luz

A Litro de Luz desenvolve três tecnologias próprias de soluções sustentáveis de iluminação: lampiões solar, postes solar e iluminação interna.

O lampião solar possui uma estrutura de PVC, com garrafa PET, uma bateria, lâmpadas de LED e um tamanho adequado que possibilita mobilidade durante as atividades noturnas, dentro e fora da casa dos comunitários e um painel solar para carregamento da bateria.

O poste solar é montado com bateria de lítio, de alta performance e baixa manutenção, e posicionado em locais públicos estratégicos com grande movimentação de pessoas nas comunidades. Ambos utilizam placas solares para carregamento e, no caso dos postes, permanecem acesas por toda a noite, com o carregamento automático diurno.

Já a solução de iluminação interna é composta por uma lâmpada de LED, painel solar, bateria e controle. A metodologia usada pela ONG Litro de Luz faz com que o processo de montagem seja realizado através do engajamento com as comunidades, pelos próprios moradores, desta forma, eles criam um laço e cuidam das soluções para que durem o máximo de tempo possível.

Embaixadores locais são formados nas comunidades para que o contato com a ONG seja permanente e as soluções tenham a atenção necessária no uso. Além da manutenção, as baterias, ao perderem capacidade e possibilidade de uso, são devolvidas para reciclagem e o Litro de Luz atua com a imediata substituição.

Audi do Brasil e ações de ESG

A Audi do Brasil possui sólidos pilares em ESG que crescem ano após ano com mais de 10 iniciativas que promovem a diversidade, inclusão social e respeito ao meio ambiente com eletrificação e redução de carbono, com a participação ativa de seus colaboradores.

Nos últimos anos, a marca das quatro argolas se tornou patrocinadora oficial das seleções brasileira masculina e feminina de voleibol para deficientes (2021), parceria que ocorre até o final dos Jogos Paraolímpicos de Paris, em 2024. Além disso, espalhou 100 milhões de sementes de 27 espécies de árvores nativas em uma área desmatada na Amazônia (2022).

No Brasil, a Audi tem projetos como o uso de energia 100% limpa a partir de painéis solares no Centro Técnico (SP) e na rede de revendedores no país. A Audi do Brasil já investiu mais de R$ 87 milhões na instalação de carregadores elétricos em todo o país, incluindo mercados, shoppings, hotéis, restaurantes e as mais de 40 concessionárias da marca espalhadas pelo Brasil.

Outro exemplo, o projeto Mulheres Audi atua neste 2001 visando ampliar a participação feminina e incentivar o protagonismo das mulheres no setor automotivo, historicamente ocupado pelos homens. Dessa forma, o fortalecimento da equidade de gênero é uma realidade na companhia e vem sendo aplicado por meio de ações práticas.

Leave a Response

19 − 10 =