fbpx
Desempenho do Setor

Valvoline investe no mercado de fluidos de transmissão automática

Ampliação de portfólio de produtos e suporte técnico aos reparadores são algumas das iniciativas da empresa para expandir nesse nicho que ainda está em evolução
130visualizações

Com o aumento gradativo da produção de veículos com transmissão automática que já supera 50% do total do volume que sai das montadoras, a Valvoline, fabricante mundial de lubrificantes com 150 anos de história, reforça a sua atuação no mercado de fluidos de transmissão automática. A expectativa é ampliar em 30% a participação nesse segmento.

Para isso, o gerente da área automotiva, Alberto Freitas, explica que a empresa tem desenvolvido uma série de ações focadas nesse mercado que apresenta oportunidades devido ao significativo aumento de veículos com transmissão automática nos últimos anos. “É notório que o câmbio automático caiu no gosto do brasileiro e está cada vez mais difundido. Desta forma, a demanda pela troca do fluido também cresce”.

Embora ainda haja muitas dúvidas com relação à troca do fluido de transmissão automática, mesmo com a recomendação no manual do veículo, Freitas revela que existem grupos de reparadores especializados no serviço. “A especificidade da troca exige conhecimento e equipamento adequado. Cada modelo de veículo tem a sua peculiaridade”, destaca.

A Valvoline intensificou o atendimento aos reparadores com suporte técnico por meio de especialista no assunto que oferece treinamento. A empresa também possui parceria com fornecedor de equipamento para troca do fluido, com uma condição diferenciada. Este equipamento garante a eliminação total do fluido usado para evitar resíduos e contaminação com o produto novo. “Oferecer conhecimento e a ferramenta adequada ajudam a melhorar a eficácia no serviço da troca do fluido de transmissão”, revela.

Além de suporte oferecido ao mercado, a empresa também conta com amplo portfólio de produtos para transmissão automática que atende a quase 100 % da frota em circulação. Para este ano estão previstos mais dois lançamentos: o DCT (Dual Clutch Transmission) e o ULV (Ultra Low Viscosity). A linha de fluidos também é formada por MAX LIFE ATF – DEX/MERC, ATF+4, compatível com todas as transmissões que exigem Mopar ATF + ®, Mopar ATF + 2 ™ e Mopar ATF + 3 ™, CVT e ATF DEXRON-VI – DEXRON homologado pela GM (General Motors-VI) e DEXRON III.

 

Para mais informações, basta acessar o site da Valvoline

www.valvoline.com.br .

Leave a Response

nove − 5 =